www.MAGUEIJA.com | Magueija / Fórum

Caro utilizador, para poder ver todos os tópicos e fotos disponíveis do Magueija/Fórum terá de se registar. Até já...

Autor Tópico: Poemas de Amor  (Lida 4320 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline 117

  • Moderador
  • Utilizador muito participativo
  • *****
  • Mensagens: 5583
Re:Poemas de Amor
« Responder #30 em: Fevereiro 11, 2011, 07:15:23 pm »

Pode ser um poema, uma flor, um simples carinho.
Aviem-se durante o fim de semana, para presentearem a vossa "sombra", na segunda feira próxima.
O amor implica duas metades que se completam.
Caso não amem, nem ardam de paixão, não esperem sentados.
Amanhã é novo dia.
São Valentim nos ajude a surpreender a nossa alma gémea!

Offline Nelly Lopes

  • Utilizador muito participativo
  • *****
  • Mensagens: 1097
Re:Poemas de Amor
« Responder #31 em: Fevereiro 13, 2014, 10:07:21 pm »
Como o dia dos namorados é amanhã a professora de português da minha filha mandou fazer um poema de amor em que o titulo seria "No limite entre o gelo" e como não sabia o que escrever .............

Eu perguntei-lhe se o podia colocar aqui é assim

Nem á inspiração, nem
O tema me convem
Listagens de palavras de amor não ajuda
Injenuo, alguns são
Inseguro, sempre
Ternura, muitos dizem que é a base
Expressivo, tem que ser
E como não podia deixar de ser
Nostalgia, chega momentos em que acontece
Timido, alguns começam assim
Respeito, para mim é a base de tudo
Eterno, nunca vi
O "amor"podemos dizerque cada pessoa
Gosta de classificar á sua maneira
E o que sabemosde certo é que leva a
Lágrimas, sorrisos, ás vezes pratos partidos
Outro, outro significado nós vemos, mas
Eu continuo sem inspiração


Tudo de bom  :-*

« Última modificação: Fevereiro 14, 2014, 01:02:43 am por Nelly Lopes »

Offline Britiande

  • Utilizador muito participativo
  • *****
  • Mensagens: 856
Re:Poemas de Amor
« Responder #32 em: Fevereiro 14, 2014, 12:00:40 pm »

Neste dia de S. Valentim, um poema vivo e intenso! Emotivo e subjectivo!
Aliás como deve ser o amor!
 
Aquela triste e leda madrugada,
cheia toda de magoa e de piedade,
enquanto houver no mundo saudade
quero que seja sempre celebrada.

Ela so, quando amena e marchetada
saia, dando ao mundo claridade,
viu apartar-se d'uma outra vontade,
que nunca podera ver-se apartada.

Ela so viu as lagrimas em fio
que d'uns e d'outros olhos derivadas
s'acrescentaram em grande e largo rio.

Ela viu as palavras magoadas
que puderam tornar o fogo frio,
e dar descanso as almas condenadas.

                                                " Camões"

Offline Britiande

  • Utilizador muito participativo
  • *****
  • Mensagens: 856
Re:Poemas de Amor
« Responder #33 em: Fevereiro 14, 2014, 12:34:33 pm »
Imaginação livre, liberta, radiante!
Hoje é o dia de todas as mensagens! De estima, de amizade e de amor!
Aqui fica uma proposta “ em vídeo”!

ANGIE - ROLLING STONES

Abraço a todos!


http://youtu.be/K5_EBAzIPJM
« Última modificação: Fevereiro 14, 2014, 02:35:38 pm por Britiande »

Offline Trevo

  • Moderador
  • Utilizador muito participativo
  • *****
  • Mensagens: 4248
Re:Poemas de Amor
« Responder #34 em: Fevereiro 14, 2014, 01:00:22 pm »

Mas que românticos que vocês me saíram!
Quem aproveita bem a data é o comércio! Tem  de ser para lavar a crise.
Nas lojas, hoje, são só corações... mas os corações de hoje são muito fraquitos. Aguentam mal as dificuldades da vida e mudam muito de direção...Namorem muito hoje porque amanhã já pode ser tarde!
Saudações a todos os apaixonados por algém ou por alguma causa!
Um bom fim de semana!

Offline 117

  • Moderador
  • Utilizador muito participativo
  • *****
  • Mensagens: 5583
Re: Poemas de Amor
« Responder #35 em: Maio 11, 2014, 02:56:31 pm »

O amor foi - e será - a maior fonte de inspiração para os poetas.
Como se define o amor?
Chamou-lhe Camões um fogo que arde sem se ver ...

Gosto muito desta tentativa de Chico Buarque para abarcar o AMOR:
« Última modificação: Maio 11, 2014, 03:06:52 pm por 117 »

Offline 117

  • Moderador
  • Utilizador muito participativo
  • *****
  • Mensagens: 5583
Re:Poemas de Amor
« Responder #36 em: Agosto 17, 2014, 07:12:19 am »

                                             Se a uva fosse azeda,
                                             O vinho não azedava ...
                                             Se meus olhos não te vissem,
                                             Meu coração não te amava.

Offline 117

  • Moderador
  • Utilizador muito participativo
  • *****
  • Mensagens: 5583
Re:Poemas de Amor
« Responder #37 em: Agosto 18, 2014, 06:06:27 pm »

Agosto algo envergonhado, tempo de férias sempre acanhado, mudança de ares por um bocado, descanso na horizontal ou assentado, balanço dum ano tresloucado, aquele sonho não concretizado, tanto poema de amor adiado, um intervalo propositado, num FORUM quase parado ...

Com os tripeiros BROA DE MEL demos corda ao amor assolapado, como reza o velho ditado, já que é esse o nosso fado:


https://www.youtube.com/watch?v=rAwCjd4aKnU&feature=youtu.be

« Última modificação: Agosto 18, 2014, 06:12:09 pm por 117 »